Agenda Cultural Eventos Novidades

Retomada de bares e boates em Campinas

Divulgação Caos Campinas

Flexibilização na fase amarela permite rever o atendimento de bares e boates se adaptam pros primeiros passos dentro do novo normal

Sob os direcionamentos do Plano São Paulo de Retomada, o “novo normal” já pode ser sentido em todas as cidades do nosso estado. Campinas e São Paulo que avançam dentro da fase amarela, estando ambas ha mais de 28 dias nela, passaram a reabrir e flexibilizar o atendimento de bares e restaurantes. Ainda com uma série de normas de segurança à seguir, como a obrigatoriedade da reserva de mesas, capacidade de atendimento reduzida para 40%, horário reduzido e distanciamento entre as mesas, os estabelecimentos seguem se adaptando para uma retomada cautelosa após meses parcialmente/totalmente fechados.

O Cambuí, tradicional encontro de bares e boates de Campinas, passa a ter sua movimentação agitada de volta. Points conhecidos como o Sàla 575, Seo Rosa e Boteco Sao Bento já podem receber seus clientes nas mesas de dentro. Já estabelecimentos como a Pink Elephant, uma boate, precisou se adaptar pra receber o público. Nessa fase não é permitido aglomeração de pé, mas podem ser executados eventos sentados com reserva e marcação de mesa. Assim tem feito a Pink, abrindo apenas o seu rooftop até às 22h aos finais de semana.

Outro ambiente bastante tradicional de Campinas, sobre tudo do público LGBTQIA+, é o Livre Bar. Ha 15 anos os empresários Edson Schiabel e Kelly Reducino recebem clientes e amigos para um mix de bar e balada. Desde o início da fase amarela, no início de Agosto, eles reabriram o estabelecimento, mas sem o ambiente da pista com seus DJs. Por hora, apenas a área externa e a calçada com mesas limitadas e bem distanciadas que cautelosamente voltam a colorir o cruzamento das ruas José Paulino com Francisco Glicério. Previamente apenas nos finais de semana e hoje já abrem de quinta e sexta a partir das 18h, sábado e domingo a partir das 16h. Sempre até às 22h.

“Nós da família Livre Bar damos a maior força para a reabertura consciente com a segurança necessária pra todos os clientes e nossa equipe também. Estamos nos adaptando a nesse novo normal. Criamos um novo espaço para a nossa comunidade, tudo bem pensado pra que o nosso público possa vir curtir seus drinks preferidos, rever seus amigos e ouvir um boa música.” Kelly Reducino, proprietária do Livre Bar.

Nesse fim de semana outro estabelecimento muito conhecido em Campinas abre suas portas, o Caos, dos mesmos proprietários do Club 88 (centro de Campinas). O que antes era um grande espaço de eventos noturnos, hoje se adapta como os demais: mesas sob reserva, capacidade de atendimento reduzida e sem aglomerações. Nesses três anos de Caos, artistas de diferentes sonoridades como Eli Iwasa, Illusionize, Chemical Surf, Gabe, Tennis, MC Jotape, Mano Brown, Lexa e Pabllo Vittar assumiram o palco, mas agora, por decisão da administração, apenas 15% da capacidade total será liberada.

“Por mais que possamos trabalhar com até 40%, decidimos começar com cuidados redobrados e apenas 15% de nossa capacidade, levando em conta que não haverá pista de dança – neste novo formato como bar, todos deverão estar sentados a suas mesas, além de seguir os protocolos de segurança” diz Eli Iwasa, proprietária e curadora do Caos.

Nos dias 4, 5 e 6 de Setembro o Caos estará aberto com programação variada: sexta feira com o hiphop do projeto Groove Na Mesa, sábado com sets de techno de Eli Iwasa e Black Sun, domingo (véspera de feriado) com a tradicional Wolf (projeto LGBTQIA+ vindo do Club 88) dos promoters Fujimiro e Rique Moraes.

Por enquanto, baladas, shows e festivais ainda ficarão apenas em nossas lembranças. Cientes de que ainda não é o momento de uma retomada com força total, assim os estabelecimentos noturnos têm se adaptado às novas regras e tentado resistir às consequências que o novo Coronavirus causou na economia. Lembre-se, o vírus e a pandemia não passaram. Respeite a retomada gradual e aos cuidados que são nos passados. Use sempre a máscara e mate a saudade daquela boa roda de amigos!

Rique Moraes

Rique Moraes

DJ, produtor de eventos e um dos promoters mais ativos da cena em Campinas nos últimos 10 anos, atualmente um dos responsáveis pelo núcleo LGBTQIA+ da Agencia Rush e Club 88.

Comentar

Clica aqui pra comentar!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade